arte · dica · livro

Dica literária: “Ficando longe do fato de já estar meio que longe de tudo” de David Foster Wallace (2012)

FICANDO_LONGE_DO_FATO_DE_JA_ESTAR_MEIO_Q_1350330998B

Minha jornada com David Foster Wallace começou ainda no ano passado, quando li uma matéria que instigava a curiosidade acerca de “Graça Infinita” (um livro com mais de 1000 páginas escrito por David Foster Wallace nos anos 90), um livro muito bem falado e que me chamou a atenção, mas como o texto que li não indicava o livrão de mais de 1 quilo para começar a se aventurar pelas notas de rodapé quilométricas de DFW e dizia para se começar por esse livrinho que irei indicar aqui, iniciei uma caçada por diversos sebos online e acabei encontrando em meados de Maio um exemplar a venda na Estante Virtual, comprei, li durante todo o mês de julho e esse mês e me sinto na obrigação de recomendá-lo.

David Foster Wallace foi um autor de romances, contos e também ensaísta, embora seja mais lembrado e reconhecido pela sua prosa. Esse livro, publicado aqui no Brasil pela Cia. das Letras, reúne diversos ensaios do autor, seguindo uma tendência europeia de publicar seus ensaios.

E em meio a notas de rodapé quilométricas, descrições bizzaramente detalhadas, uma verborragia invejável e um conhecimento muito grande, é possível descobrir um homem, que apesar de sofrer suas perturbações (ele acabou se suicidando em 2008, o que levanta questões sobre uma de suas filosofias de vida exposta nesse livro), era também um homem que conseguia manter um sagaz senso de humor, tirando-o das experiências mais bizarras, que passariam despercebidas pelo homem comum, o qual a maioria de nós é.

“Ficando longe do fato de já estar meio que longe de tudo” é uma ótima introdução a David Foster Wallace, não exigindo muito do leitor, feito de forma simples, tornando a leitura muito agradável e prazerosa. Ri muito lendo esse livro, mas também ficava pensando minutos e minutos antes de dormir no que acabara de ler.

4 pontos e meio

Anúncios

Um comentário em “Dica literária: “Ficando longe do fato de já estar meio que longe de tudo” de David Foster Wallace (2012)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s