arte · dica · filme

Dica cinematográfica: Big Bad Wolves (2013)

Big-Bad-WolvesOu “O melhor filme do ano”, de acordo com Quentin Tarantino.

O filme acompanha a corrida desesperada de um pai de família louco por que sua filha foi morta brutalmente e um detetive da polícia israelense para desmascarar um assassino e estuprador de crianças.

Um dos comentários do diretor do filme foi que esse filme foi baseado em contos de fadas, mais especificamente o da Chapeuzinho Vermelho, não em sua história ou desenvolvimento, mas sim como uma espécie de vingança por ter sido enganado pelos pais por tanto tempo, já que contos de fadas são apresentados às crianças como histórias bonitinhas e cheias de moral, mas quando crescemos descobrimos que essas histórias não eram bem assim.

O filme explora bem essa ideia, contendo várias referências aos contos de fadas, aliás a própria parte técnica do filme o faz parecer o mais próximo de uma história lúdica possível, no entanto, contém uma história e o seu próprio desenvolvimento pra lá de cruel e sombria.

“Big Bad Wolves” também conta com  uma boa trilha sonora, então é fácil se encantar com ele logo nos primeiros 10 minutos de filme, ainda mais pelo ritmo rápido das cenas e a quebra de tensão, feita de uma maneira muito inteligente e interessante, contando com muitos momentos de humor negro, algumas vezes irônico, deixando claro as influências tarantinescas.

No entanto, o final do filme acaba sendo o seu maior ponto fraco, pois é fácil, até preguiçoso se você analisar melhor, fazendo o brilhantismo do roteiro e da parte técnica se perder nos minutos finais.

3 pontos e meio

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s